BASES DE DADOS

BVS – Biblioteca Virtual de Saúde

A BVS, como biblioteca, é uma coleção descentralizada e dinâmica de fontes de informação que tem como objetivo o acesso eqüitativo ao conhecimento científico em saúde. A BVS é uma evolução e legado do trabalho cooperativo de mais de 3 décadas para ampliar e fortalecer o fluxo de informação científico-técnica em saúde na América Latina e Caribe sob a liderança da OPAS, através da BIREME.

Portal da CAPES

O Portal de Periódicos, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), é uma biblioteca virtual que reúne e disponibiliza a instituições de ensino e pesquisa no Brasil o melhor da produção científica internacional. Ele conta com um acervo de mais de 37 mil títulos com texto completo, 126 bases referenciais, 11 bases dedicadas exclusivamente a patentes, além de livros, enciclopédias e obras de referência, normas técnicas, estatísticas e conteúdo audiovisual.

COLECIONA-SUS – Coleção Nacional das Fontes de Informação do SUS

É um catálogo que compreende a produção bibliográfica e institucional do Ministério da Saúde, entidades vinculadas e/ou descentralizadas e demais organizações do Sistema Único de Saúde (nível estadual e municipal).

LILACS

É um índice bibliográfico da literatura relativa às ciências da saúde, publicada nos países da América Latina e Caribe. LILACS também indexa outros tipos de literatura científica e técnica como teses, monografias, livros e capítulos de livros, trabalhos apresentados em congressos ou conferências, relatórios, publicações governamentais e de organismos internacionais regionais. LILACS pode ser acessada para pesquisa bibliográfica no Portal Global de BVS e os registros são também indexados no Google.

SCIELO – Scientific Electronic Library Online

É um projeto consolidado de publicação eletrônica de periódicos científicos seguindo o modelo de Open Access, que disponibiliza de modo gratuito, na Internet, os textos completos dos artigos de mais de 290 revistas científicas do Brasil, Chile, Cuba, Espanha, Venezuela e outros países da América Latina.

DeCS – Descritores em Ciências da Saúde

O DeCS é um vocabulário dinâmico trilíngue (inglês, espanhol, português) totalizando 32.160 descritores. Foi desenvolvido a partir do MeSH – Medical Subject Headings da U.S. National Library of Medicine (NLM) com o objetivo de permitir o uso de terminologia comum para pesquisa, proporcionando um meio consistente e único para a recuperação da informação independentemente do idioma.

PubMed – US National Library of Medicine National Institutes of Health

Base de dados especializada em ciências biomédicas e ciências da vida. Desenvolvida pelo U.S. National Institutes of Health (NIH) e administrada pelo National Center for Biotechnology Information (NCBI). De acesso público, indexa a literatura especializada nas áreas de ciências biológicas, enfermagem, odontologia, medicina, medicina veterinária e saúde pública.

PERIÓDICOS DE ACESSO LIVRE

Acta Ortopédica Brasileira 

Radiologia Brasileira

Clinics – Revista do Hospital das Clínicas

Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical

AMB revista da Associação Médica Brasileira

Revista de Saúde Pública

Revista Brasileira de Reumatologia

Revista Brasileira de Mastologia

SITES

Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico de Imagem – CBR

Conselho Nacional de Técnicos em Radiologia CONTER

Portal do Conhecimento Nuclear – LivRE

Sociedade de Radiologia de Minas Gerais – SRMG

LEGISLAÇÕES

Lei nº 7.394, de 29 de outubro de 1985 Regula o exercício da Profissão de Técnico em Radiologia e dá outras providências.

Lei nº 10.508, de 10 de julho de 2002 Altera o inciso I do art. 2° Lei nº 7.394, de 29 de outubro de 1985.

Projeto de Lei nº 317, de 1975 Dispõe sobre o exercício da profissão de Operador de Raios–X, e dá outras providências.

Projeto de Lei nº 2.079, de 2007 Tipifica como crime o exercício ilegal da profissão de Tecnólogo e Técnico em Radiologia.

Decreto nº 92.790, de 17 de junho de 1986

Decreto nº 5.211, de 22 de setembro de 2004

Deixe uma resposta